Interdição no Centro Acadêmico da Escola de Minas

            No dia 4 de julho deste mês, o CAEM foi interditado em função de um suposto risco de desabamento devido a um muro e um barranco localizados nos fundos do terreno do CAEM. O desabamento deste barranco está realmente acontecendo e é consequência da instalação inapropriada de um transformador da CEMIG, tal como consta no laudo do IGEO (Instituto Geotécnico).

 

            É importante esclarecer que a estrutura do prédio do CAEM não é afetada por este desabamento. O prédio conta com laudos do IGEO, de um engenheiro civil e de um geólogo atestando sua estabilidade, além de alvará de funcionamento do Corpo de Bombeiros. Portanto os frequentadores do Centro Acadêmico não precisam se preocupar com a segurança do local.

             Visto isso, a prefeitura de Ouro Preto desinterditou o prédio na segunda feira, dia 6 de julho. O problema com o desabamento do muro e barranco ainda existe e não é recente. Há algum tempo o CAEM vem buscando apoio da UFOP para, de maneira conjunta, sanar o problema, mas os pedidos não foram atendidos.